É por causa desses 3 fatores que muitas empresas fecham

O índice de empresas que quebram no Brasil é bem alto. Seis a cada dez negócios fecham as portas antes de completarem cinco anos, ou até mesmo antes. Mas isso não precisa e nem deve acontecer com você! Sabendo quais são os fatores mais prejudiciais para empresas, você deve evitá-los.

Desse modo, você não compromete sua situação financeira e nem o seu empreendimento em si, além de disparar suas chances de crescimento. Portanto, você não precisa mais se preocupar. Aqui estão os 3 principais fatores que contribuem para o fechamento de empresas, e, se  você se esquivar dos mesmos, você evita que isso aconteça com você também. Confira abaixo as suas melhores soluções!

Não conhecer os seus clientes

Conhecer o seu tipo de cliente é um dos principais ativos que sua empresa pode ter, já que tudo que você fornece é direcionado para ele. É de extrema importância que você saiba com que tipo de pessoa você está lidando e suas principais características.

Isso porque, é muito difícil satisfazer um público no qual você não conhece. Você não sabe quais são suas necessidades, seus problemas e dores, consequentemente não podendo resolver nada disso. Basicamente, o que uma empresa fornece, resolve problemas de seus clientes. É isso que eles compram, uma solução, não um produto em si. Os clientes compram aquilo que resolve alguma de suas dores.

Solução: Pesquisar e planejar. Compreenda e se adeque aos hábitos e características de seus clientes em potencial. Então, tente trabalhar de maneira que você consiga atender seus desejos e necessidades. Mas como compreender tudo isso? Bom, através de pesquisas. Entreviste, converse com seus clientes, faça pesquisas de satisfação, eles sempre têm muito a ensinar.

Quando você definir todos esses aspectos, comece a se planejar para entregar da melhor maneira possível aquilo que eles desejam. É importante até mesmo superar suas expectativas, portanto, capriche! Seja dinâmico e criativo.

Não se comportar como um empreendedor

O comportamento de um empreendedor consiste em um conjunto de habilidades e atitudes que são de extrema importância para manter um negócio. É necessário ter um contraste entre o pulso firme e a ousadia. Saber quando deve arriscar e quando deve recuar. Um bom empreendedor deve saber lidar com situações novas e desafios constantes, sabendo driblá-los com maestria. É a falta desse tipo de conduta que pode levar uma empresa ao fechamento.

Essas habilidades não são aspectos que nascem com a pessoa, podem também ser adquiridos através de cursos e do contato constante com isso. Ser empreendedor é algo que pode ser aprendido e aprimorado, até se tornar bom nisso. Portanto, faça cursos, frequente eventos e palestras, dentre outras coisas. Estar inserido nesse meio irá te ensinar muitas coisas. Esse conhecimento que fará você crescer e fazer o seu negócio funcionar bem e permitir que o mesmo cresça constantemente.

Não controlar devidamente o seu fluxo de caixa

O controle financeiro, com toda certeza, também é um ponto-chave em uma empresa, e, deve ser feito com muita dedicação e organização. Caso contrário, a falta de cuidado com esse aspecto, pode levar à falência de um negócio.

Sem saber quanto é gasto e quanto você tem a receber, o seu fluxo de caixa não fica organizado, e isso representa perigo! Ter essa média, possibilita analisar se você gasta mais dinheiro do que recebe, e caso isso aconteça, com certeza irá à falência em breve. É muito importante ter um equilíbrio, de preferência tendo mais a receber do que ganhar. Assim, você garante que não terá acumulação de dívidas, evitando então ter problemas financeiros.

É importante que você conte com uma ferramenta de gestão financeira online, que te ajude a organizar esse fluxo de caixa e até mesmo seu estoque, caso necessite. O Virtuozo é o software perfeito para realizar essa organização. O mais interessante, é que possui todas as ferramentas essenciais para uma gestão financeira eficiente, sendo o único no mercado que disponibiliza tudo isso gratuitamente. Além disso, pode emitir notas fiscais integradas e boletos bancários.

 

Leia também: Descubra onde buscar o apoio necessário para abrir uma empresa

Publicações Relacionadas
Como lidar com o meu fluxo de pagamento e inadimplência de clientes?
Como fazer um bom planejamento financeiro?
As 4 melhores dicas para aumentar muito seus lucros nessa Black Friday
Descontinuidade do Emissor SEFAZ, uma oportunidade para se organizar!

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Your Name*
Your Webpage