Os 4 segredos para realizar uma gestão de compras organizada e melhorar o seu negócio

Você, como empreendedor, deveria dar muita atenção para esse aspecto na sua empresa: Gestão de compras. Mas por que?

Bem, porque isso é uma das principais partes de um extenso conjunto que ajuda manter a sua empresa funcionando bem, que a ajuda em seu crescimento constante, além de ser um ativo, que vai ajudar a ter uma melhor base de suas finanças. Fazendo isso de maneira organizada, você poderá alinhar as melhores estratégias que possui, para focar em obter resultados melhores, e, tudo isso vai consequentemente impulsionar o seu lucro.

Deste modo, se você conseguir manter essa administração de maneira correta, você conseguirá ter um ótimo controle em cima de seu estoque, vai poder organizar os produtos de forma que você evite prejuízos financeiros, mantendo sempre as quantidades necessárias para não sofrer perdas e nem adquirir em excesso.

Para melhorar ainda mais a sua gestão de compras, leia com bastante atenção esses 4 detalhes que você muitas vezes não se atenta, mas que são muito importantes e devem ser seguidos:

 

1. Ter um planejamento estratégico é fundamental

Planejar. Você faz anotações e planos em cima do que precisa realizar futuramente? Se a resposta é não, você deve começar a adquirir esse hábito agora mesmo.

Quando nos planejamos, a ideia do que temos a ser feito passa da nossa cabeça para o papel, tornando-se uma meta, algo concreto, e assim aumentará muito as chances de você realizar aquilo, uma vez que poderá ler várias vezes, se lembrando daquilo a todo momento, não te permitindo esquecer de que é uma tarefa que deve ser feita. Além disso, quando você anota alguma ideia ou objetivo, seu cérebro entende que não precisa mais se preocupar com aquilo, liberando espaço que será utilizado para outras coisas. Com esse método você não se sobrecarrega, evitando sentir estresse, além de aumentar sua produtividade e a capacidade de concentração.

O planejamento estratégico, dentro da sua empresa, requer muito mais atenção. Você não pode simplesmente esquecer de realizar tarefas, você deve possuir um planejamento impecável, com todas as anotações, em um lugar acessível e próprio para isso, no qual você vai checar com frequência.

Primeiramente, você deve analisar e entender quais são as necessidades do seu negócio, porque assim será possível estabelecer quais são as demandas de cada departamento, quais seus gastos frequentes, onde será possível economizar e quanto poderá ser poupado.

Depois de fazer todo um mapeamento sobre as compras e estoque, separe um tempo para fazer um planejamento organizado, incluindo estratégias a serem usadas. Deste modo, tendo em mãos o planejamento perfeito, é só entrar em ação com toda a atitude que você tem. Não tem erro.

 

2. Você deve saber como o seu estoque funciona

Para garantir que sua empresa continue sempre com um bom desempenho e que o seu estoque nunca fique escasso ou em excesso, você deve sempre estar atento ao fluxo das compras, e, depois de um tempo você já terá uma boa base do seu fluxo de produtos mensal.

Utilizando do seu planejamento – citado no primeiro tópico – você terá essa noção de quando deve realizar aquisições, assim evitando que seus produtos em estoque fiquem em falta ou sobrando, já que ambas as opções são prejudiciais, pois a falta de produtos acarreta na perda de lucro e, produtos em demasia estão sujeitos à expiração do prazo de validade. Assim, você irá evitar desperdícios financeiros, o que é um fator bastante positivo.

Conte com um software que ajude nessa gestão. Para conseguir visualizar melhor suas vendas realizadas, a situação do seu estoque e a previsão de reabastecimento, seria ideal que uma ferramenta fizesse esse auxílio, uma vez que iria poupar seu tempo e faria a análise com maior precisão.

A maior dificuldade enfrentada por muitos empreendedores é encontrar essa plataforma, na qual seja confiável, de baixo custo e realmente eficiente, mas isso é um problema que o Virtuozo irá resolver para você aqui e agora.

O Virtuozo é o software perfeito para realizar essa gestão de compras – já que além de possibilitar a análise do seu fluxo de caixa, de quanto você tem para gastar e receber nas respectivas datas – possui uma opção direcionada à gestão de compras e estoque, permitindo que você cadastre todo o processo, além de te notificar assim que seu estoque chegar no limite (estabelecido por você). Com essa ferramenta você nem precisa se preocupar, pois é automaticamente avisado se seu estoque precisar de reposição.

 

3. Conheça seus melhores fornecedores

Saber quem são os seus fornecedores é dos principais fatores. Você deve saber se os preços que irão lhe cobrar são compatíveis com os que pretende e pode pagar, e, se sim, avance para uma conversa com a empresa fornecedora, procurando sempre manter uma boa relação com a mesma, já que assim aumentam suas chances de sucesso no processo de negociação de preços.

Além disso, a boa comunicação irá indicar que você é um lead quente, e está bastante interessado em fechar a compra com eles, fator que irá contribuir para que tratem a sua empresa como prioridade, o que será vantajoso para você.

Durante a análise de preços, você deve tomar muito cuidado, pois o melhor preço, na maioria das vezes não é o do produto mais qualificado. Essa pesquisa deve ser feita baseada nesses dois aspectos: preço razoável e maior qualidade. E além de ambos, também é importante pesquisar sobre a condição da entrega, uma vez que o tempo levado  para seu pedido chegar pode interferir no seu planejamento com prazos e deve trazer seu produto em perfeito estado.

Lembre-se: Quando tanto o produto quanto a entrega são qualificados, seus clientes ficam satisfeitos, o que eleva a reputação da sua empresa e leva à fidelização de seus clientes.

 

4. Saiba analisar o seu controle de vendas 

O controle de vendas consiste em analisar o seu histórico de mercadorias, identificar quais são os produtos que possuem mais giro, quando são vendidos com maior e menor frequência, e quais são os itens mais e menos vendidos, para que assim, você possa ter o melhor controle dessas vendas, podendo se organizar de forma mais eficiente.

Outros fatores importantes a serem observados: Analise as suas compras mensais e um valor médio pago por cada tipo de produto, além de saber quem são os melhores fornecedores para cada item específico. Com esses dados, tudo fica mais organizado, você prevê quanto aproximadamente irá gastar mensalmente, com o que irá gastar, e ter uma estimativa de quanto vai vender e receber em cima disso. Também irá projetar quantos itens cada departamento deve ter, quando precisará realizar novos pedidos, garantindo uma organização inteligente, que lhe trará benefícios.

Seguindo esses passos, você está garantindo um ótimo desempenho para o seu negócio, já que irá ter o controle sobre seus gastos, lucros, e assim, podendo reduzir gastos desnecessários, diminuindo prejuízos e ao mesmo tempo, impulsionando o seu negócio com os bons resultados que vai obter.

 

Livre-se dos seus concorrentes e seja um destaque no mercado que atua.  A fórmula secreta é seguir esses 4 passos com excelência, não se esquecendo da ajuda do software inteligente Virtuozo, um dos maiores protagonistas na sua escalada para o sucesso, o maior ativo da sua empresa daqui para frente.

Boa sorte e boas vendas!

 

*Conheça mais sobre o Virtuozo, o investimento é mais barato que um cafezinho por dia.

Related Posts
As informações contábeis agindo como aliadas dos gestores
Como otimizar a gestão financeira de sua empresa
As 5 melhores dicas sobre gestão financeira
As 10 dicas para ser um empreendedor de sucesso

Leave Your Comment

Your Comment*

Your Name*
Your Webpage