Como planejar meu fluxo de caixa para o futuro?

Para quem tem um negócio, é fundamental ter base da entrada e saída de dinheiro, para assim manter organizada as finanças da empresa e então usa-se o fluxo de caixa, uma ferramenta que deixa o empresário a par de toda a gestão financeira presente na empresa.

O fluxo de caixa também serve para que o empreendedor possa fazer planos a longo prazo, isto porque com o controle financeiro percebe-se quanto de dinheiro e em quais dias eles entram e saem, quais são as datas de pagamentos, entrada de mercadorias e etc.

Possibilitando assim que se tenha uma estimativa de como a empresa estará nos próximos meses e permite que investidores e fornecedores tenham confiança no empresário e negócio e facilite para que ele cresça gastando menos.

Mas para se elaborar uma boa planilha de fluxo de caixa, há alguns passos que devem ser seguidos para se obter uma visão a longo prazo dele.

Leia também: 5 DICAS SOBRE GESTÃO FINANCEIRA

Criação de categorias na planilha: separação da entrada e saída de dinheiro, como “Contas a receber” e “Contas a pagar” pois dará uma visão geral do quanto a empresa está gastando e recebendo como lucro. Nesta categoria deve estar tudo, cada centavo que entrou e saiu durante todos os dias.

Além disso, ao fazer a planilha, deve-se colocar os gastos previsíveis, aqueles que são feitos mensalmente, como conta de luz, água, salários dos funcionais.

Verificação diária: o controle em planilha deve ser conferido todos os dias para a empresa saber quais foram os custos ao fim do dia, e, para isto, basta subtrair o valor de entrada de dinheiro com o valor de saída para saber o saldo final. Com este processo, se é possível comparar o fluxo de caixa que se teve em meses anteriores e quais serão no futuro.

Quando mais estáveis as contas a receber e contas a pagar, maiores são as chances de se fazer um controle financeiro a longo prazo.

GestaoFinanceira

Erros comuns de fluxo de caixa que devem ser evitados

Não acompanhá-lo diariamente

Há empreendedores que fazem o controle da planilha apenas semanalmente ou mensalmente para saber como anda o negócio, isto porque é algo mais cômodo, o que é verdade, porém não se é possível pensar e planejar no futuro a longo prazo do negócio se não há um controle custos preciso e diário.

Ao fazer o controle financeiro diariamente consegue-se detectar problemas rapidamente, problemas que a longo prazo, sem medidas antecipadas, podem levar a até falência da empresa. Ao se anteceder, se houver problemas, eles serão rapidamente encontrados e resolvidos sem maiores estragos.

Leia Também: 5 dicas de controle financeiro para autônomos

Não apresentar detalhes na planilha

Para se ter uma melhor visão do empreendimento, é preciso que ele seja completo, tenha os mais minuciosos detalhes, com precisão e clareza. Ao ignorar frequentemente meros detalhes como gastos com lambadas, material de higiene e escritório, ao soma-los, perde-se a noção dos custos que no final se tornam valores altos.

Ao observa-los, você também consegue perceber quais são realmente necessários e úteis e quais podem e devem ser cortados.

Conheça o sistema Virtuozo Gestão Empresarial Online.

Lançar recebimentos antecipadamente

Realmente é mais prático, mas ter o hábito de lançar no controle em planilha o dinheiro que ainda irá receber, por maior que seja a garantia que este dinheiro entrará na empresa, é errado, porque gera incerteza na planilha de fluxo de caixa.

Os dados ali presentes devem ser fidedignos e o mais precisos possível, assim dando a garantia do que está ali realmente está em caixa, os custos ali presentes são reais e assim por diante para se ter o controle total da gestão financeira da empresa.

Emissor de NF-E

Preocupado com o fim do emissor do SEFAZ-SP ? O Virtuozo emite NF-E ilimitadamente e oferece um eficiente sistema de gestão financeira.

Publicações Relacionadas
Como controlar as finanças de uma micro empresa?
Descontinuidade do Emissor SEFAZ, uma oportunidade para se organizar!
Quero abrir um negócio, por onde devo começar?
O quanto vale sua empresa?

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Your Name*
Your Webpage